15/Dec/2018
Sábado - 15 de Dezembro de 2018
(89) 9 9417-4175
(89) 9 9417-4175

Geral

Vereador Maninho esclarece abordagem da PRF que constatou veículo de irmão como clonado

Por: Roberto - 16/04/2018

FLAV.jpg

Após uma abordagem de rotina da Polícia Rodoviária Federal na noite da última terça-feira (10), realizada as margens da BR-316, no Povoado Bem-te-vi, município de Santo Antônio de Lisboa, o vereador Flávio Rômulo Carvalho dos Anjos, mais conhecido como ‘Maninho’, presidente da Câmara Municipal de Monsenhor Hipólito, descobriu que o veículo que dirigia, um Renault/sandero de cor branca e placas KPZ-5238/SP, de propriedade do seu irmão, adquirido por ele em trâmites legais, na realidade, tratava-se de um veículo clonado.

Em conversa com o CGNotícias na manhã deste sábado (14), em seu gabinete, o vereador Maninho contou que após a realização dos procedimentos de fiscalização, descobriu-se que o veículo original era um veículo com as mesmas características, porém de placas LSK4278/RJ com ocorrência de roubo/furto em 28 de fevereiro de 2017, na cidade de São Gonçalo/RJ.

“Como homem público, presidente da Câmara, de dezembro pra cá eu ia nesse veículo no mínimo três vezes por semana à cidade de Picos, e nunca havia passado por minha cabeça que se travava de um veículo clonado, era quase impossível saber que o mesmo tinha alguma adulteração. Fui encaminhado a Central de Flagrantes de Picos, onde prestei depoimento e fui liberado pela Polícia Civil, já o meu irmão, que está viajando a trabalho, ficou de dar esclarecimentos posteriormente. Em sessão realizada nesta sexta-feira (13), prestei meus esclarecimentos ao povo hipolitado e fiz questão de parabenizar os amigos policiais pela honestidade e o excelente trabalho, que foi muito bem feito”, disse.

Um dos presidentes de Câmara mais jovens do Brasil, com apenas 25, Maninho, que tem se destacado a frente do legislativo municipal, contou que muitos ficaram tristes com este acontecimento. “Muita gente ficou triste com o prejuízo que meu irmão levou, por ter sido vítima de um golpe, e pelo constrangimento que eu passei, por ter sido abordado em um veículo nessa maneira. Quem vier a Monsenhor Hipólito e conversar com  qualquer cidadão hipolitano, ou até mesmo com a Polícia Militar daqui, vai ter boas informações da minha pessoa e vão saber da minha responsabilidade, humildade e honestidade, como homem público e na vida particular, não tenho a menor dúvida”, continuou.

“Agradeço a todos pelo carinho e preocupação, como homem público, sei que devo explicações ao povo e estou preparado e a disposição para qualquer esclarecimento”, finalizou.

 

CGNOTICIAS

Facebook
Twitter
Horóscopo
Eventos