20/Jul/2018
Sexta-Feira - 20 de Julho de 2018
(89) 9 9417-4175
(89) 9 9417-4175

Cidadania

TERESINA | Lei obriga estabelecimentos a se adaptarem a anões

O desrespeito a essa lei pode gerar multa de até R$ 10 mil aos estabelecimentos infratores.

Por: Adilon Shalom - 11/07/2018

PPN-IMG-6b04fea68a0088a52364.jpg

O prefeito Firmino Filho assinou no dia 25 de junho a Lei nº 5.267 que obriga estabelecimentos comerciais, de serviços e repartições públicas de Teresina a adotarem medidas de acessibilidade e adaptação de sanitários para pessoas com nanismo ou de baixa estatura. O desrespeito a essa lei pode gerar multa de até R$ 10 mil aos estabelecimentos infratores.

De acordo com a lei, a acessibilidade aos sanitários e mictórios em estabelecimentos particulares acontecerá por intermédio de pequenos tablados, confeccionados com material esterilizável, superfície antiderrapante em altura adequada.

Será considerada como pessoa com nanismo ou baixa estatura, o indivíduo cuja altura é muito inferior em comparação com a média de todos os sujeitos da mesma raça, da mesma idade e do mesmo sexo.

Qualquer pessoa poderá denunciar aos órgãos competentes o descumprimentos das normas contidas nessa lei.

Fonte: VIAGORA

Facebook
Twitter
Horóscopo
Eventos