06/Dec/2019
Sexta-Feira - 06 de Dezembro de 2019
(89) 9 9417-4175
(89) 9 9417-4175

Justiça

Prefeito é preso em operação do Ministério Público no Sul do Piauí

Por: Roberto - 03/12/2019

PPN-IMG-aa8a2500e8153d2db5af.jpg

O prefeito da cidade de Bertolínia, Luciano Fonseca (PT), foi preso nesta terça-feira (3) em uma operação do Ministério Público Estadual por suspeita de improbidade administrativa. O G1 tentou, mas ainda não conseguiu contato com a defesa do prefeito e nem com a prefeitura da cidade.

De acordo com a polícia civil, a investigação teve início depois que uma ambulância da cidade foi achada em uma fazenda e, segundo o Ministério Público, teria sido usada como pagamento de uma dívida pessoal do prefeito. À época, o prefeito disse que o veículo havia sido leiloado por ser considerado “bem inservível”.

A polícia civil informou ao G1 que, além do prefeito, familiares dele e outros suspeitos de envolvimento em crimes praticados na cidade também foram presos nesta manhã. Em buscas na residência de Luciano Fonseca, uma arma também foi apreendida, segundo a polícia civil.

Buscas na residência de um ex-prefeito de outro município também foram feitas e uma quantia de R$ 20 mil em espécie foi apreendida. Segundo a polícia civil, a investigação teve início após relatório do Tribunal de Contas do Estado, que teria detectado irregularidades na cidade.

Um dos casos que chamou a atenção foi a apreensão de uma ambulância do município de Bertolínia apreendida em uma fazenda na cidade de Landri Sales. À época, o prefeito informou ao G1 que o veículo foi vendido em leilão realizado no ano de 2015 e que se tratava de um “bem inservível” para o transporte de pacientes.

Fonte: G1

Facebook
Twitter
Horóscopo
Eventos