06/Jun/2020
Sábado - 06 de Junho de 2020
(89) 9 9417-4175
(89) 9 9417-4175

Geral

Emendas de R$ 16,45 milhões são liberadas para a saúde no Piauí

Por: Roberto - 08/04/2020

PPN-IMG-302030d251aa078b81cd.jpg

O ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta habilitou em portaria publicada na quarta-feira, 08 de abril, a liberação de R$ 16,45 milhões em emendas para a média e alta complexidade na saúde em seis municípios piauienses. A liberação abarca Teresina, Campo Maior, Barras, Piripiri, Parnaíba e São Pedro do Piauí. Somente para a capital piauiense são cerca de 12 milhões de reais.

O Fundo Nacional de Saúde adotará as medidas necessárias para as transferências de recursos estabelecidas ao Fundo de Saúde, em até seis parcelas. É importante destacar que o governador Wellington Dias (PT) e o prefeito de Teresina Firmino Filho (PSDB) estiveram reunidos recentemente com a bancada federal do Piauí e pediram na ocasião que todas as emendas fossem remanejadas para a saúde,  no intuito de atender a demanda de recursos advinda com a pandemia da Covid-19, doença provocada pelo novo coronavírus. “Agradeço a toda a bancada federal pela disposição em ajudar nesse combate ao coronavírus. Nesse momento, a prioridade do Piauí é a saúde e vamos montar um plano para solicitar o remanejamento das verbas da bancada, para que elas sejam direcionadas para o que é mais necessário, que é a vida”, sinalizou à época.

Na ocasião, o prefeito de Teresina Firmino Filho encampou o pedido por agilidade na liberação de recursos pelo Governo Federal. Com a crise de saúde, a economia foi impactada abruptamente, e não apenas os governadores, mas os prefeitos precisarão do auxílio da União para atender as necessidades básicas da população. “As medidas propostas pelo governo e pelo Ministério da Saúde são boas, mas não podem demorar. Não se justifica, numa guerra como estamos, que a burocracia impere. Na guerra não se pode esperar para cumprir tudo que a burocracia determina. Estamos falando de vidas, de uma crise na saúde e isto não pode esperar”, frisou.

Na semana passada, Mandetta já havia habilitado emendas para 90 cidades piauienses, no entanto, estas abrangiam o incremento do Piso da Atenção Básica. A prestação de contas sobre a aplicação dos recursos será realizada por meio do Relatório Anual de Gestão - RAG do respectivo ente beneficiado.

meionorte

Facebook
Twitter
Horóscopo
Eventos