18/May/2024
Sábado - 18 de Maio de 2024
(89) 9 9417-4175
(89) 9 9417-4175

Saúde

Pressão arterial alta também pode prejudicar saúde ocular

Por: Roberto - 26/04/2024

PPN-IMG-fd75d1a29f836eb7ed72.jpg

A hipertensão é caracterizada pela elevação dos níveis de pressão arterial. O Dia Nacional de Prevenção e Combate à Hipertensão acontece anualmente no dia 26 de abril, sendo uma data de conscientização sobre a doença. Especialistas na área explicam que a hipertensão é silenciosa, por isso o ideal é realizar check-up e avaliações regulares. Tontura, falta de ar e palpitações, por exemplo, são alguns sintomas mais comuns. Mas o que poucas pessoas sabem é que a pressão alta também pode prejudicar a saúde ocular. É a chamada retinopatia hipertensiva, que afeta a retina devido ao aumento da pressão arterial. Por isso, é fundamental realizar acompanhamento anual com o médico oftalmologista.

De acordo com Vitor Prado, médico e especialista em retina, é preciso entender que a retinopatia hipertensiva não tem a ver com a pressão do olho e sim com a artéria. Com relação ao comportamento da doença, reforça que “alguns pacientes têm crise de hipertensão arterial chamada de maligna, que pode causar dano tanto para o nervo do olho como para a retina”. Nessa linha, o oftalmologista Vitor acrescenta que “existe a retinopatia hipertensiva crônica na qual, ao longo de muitos anos, as artérias sofrem com a pressão alta e vão se modificando, tornando-se mais rígidas”, reforça.

A doença pode ocasionar hemorragias conjuntivais, que são comuns em pessoas que têm hipertensão. Além disso, pacientes que possuem diabetes em associação à hipertensão tem maior risco de desenvolver essas alterações, segundo o especialista. A retinopatia hipertensiva, dessa forma, causa o entupimento da veia da retina, piorando a visão. Alguns sintomas precisam sempre ser observados, como o embaçamento da visão, sensibilidade à luz, perda da visão central ou periférica e dores de cabeças frequentes. 

O diagnóstico da doença é realizado por meio da oftalmoscopia binocular indireta, que faz um mapeamento de retina. Também existem exames auxiliares, como a foto documentação. Por sua vez, o “tratamento é direcionado para o controle da hipertensão arterial, ou seja, é feito com o cardiologista ou outro médico especialista na área. Contudo, o oftalmologista também acompanha o quadro do paciente”, finaliza Vitor.

 

Cidade Verde

Facebook
Twitter
Horóscopo
Eventos